segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Gosto bom é o meu...

Olá leitores fiéis.

Venho hoje escrever (digitar) estas linhas para falar de um post que deu um tremendo ba-fa-fa!

O nosso amigo colaborador Daniel Farinha, fez um post digamos hilário (eufemismo para sacana), sobre o furto/roubo da guitarra do Beto Lee, e falaram sobre a Rita Lee, ai já viu, os fãs desceram a lenha total.

Para quem não leu leia aqui nosso colaborador destilou seu veneno para nossa roqueira paulistana!

Alguns fãs não gostaram e começou o barraco, não é a Tati, é debate (eufemismo para bate boca) sobre o talento da rockeira veterana, e resolvi escrever sobre o ídolos e afins.


Temos que aprender que os nossos ídolos tem pés de barro, ou seja, cometem erros de humanos, como são, não são deuses, não são semi-deuses, são humanos, que passam por provações como qualquer mortal que está pisando nesta terra.

Não fique pensando que eles são perfeitos, pois não são, e seus erros são olhados com lupa pelas pessoas que não admiram seu trabalho como um fã, por outro lado, o fã adora colocar uma montanha sobre os defeitos de seu ídolo.

Tenho vários ídolos na música, cinema, literatura e afins, mas consciente que eles todos são passíveis de erros, alguns até ridículos, infelizmente nem sempre conseguimos separar o trabalho da pessoa, algumas vezes sim, mas sempre é bom ficarmos atento se a nossa super defesa é pessoal ou realmente uma opinião baseada no trabalho da pessoa.

O contrário se faz necessário, pois será que não pegamos no pé de alguém só por causa de uma falha, ou uma frase e jogamos um bom trabalho na lata do lixo? Falo isto porque tenho as minhas chatices com algumas coisas, tipo vamos começar a me xingar, já que não sabemos ouvir uma opinião diferente da nossa sem xingar.

1 - Odeio o filme "Titanic"

Acho chato e pronto, roteiro fraco, super montagem, tecnicamente perfeito, nada contrao Di Caprio, até gosto do seu trabalho, mas o filme é no máximo sessão da tarde, mas com um bom marketing se deu bem. Desculpa Cristiano Castor Troy, mas é um tiro no pér ver este filme

2 - Não gosto do Lobão

Entre outras coisas ele é um chato, na minha opinião é lógico, que não é nem certa nem errado é apenas a minha opinião, que no final das contas não quer dizer nada, mas é chato, prepotente, morde a assopra, entre outras coisas (desculpa Cristiano Castro Troy), mas é o que penso, só que o cara tem um puta trabalho, bons discos, boas canções, então é o seguinte, entrevista do Lobão não vejo, Clip eu vejo, Participação em programas do Lobão, não vejo, Show vejo, quando ele abre a boca para falar e não cantar tampo o ouvido.


Vou ficar em dois exemplos para não piorar as coisas, só vamos tentar lembrar que o importante é estarmos sendo guiados pela nossa opinião, que não é a certa nem a errada, pois gosto é como diz o ditado:

"Existem dois tipos de gosto, o mau gosto e o meu..."

Salve Todos!

4 comentários:

Focus Arbitragem disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Daniel Farinha disse...

Sábias palavras... provenientes de um homem que tem o CD do Terra Samba em sua coleção.

Há de se respeitar (as palavras... o Tiba a gente pode mandar à merda... hehehehehe)

"O ruim tem que existir para sabermos que o bom é bom".

Atenciosamente,

Daniel Farinha

salivaabsinto disse...

É concordo plenamente!

eu as vezes ainda me pego tentando apagar da mente os defeitos dos artistas q curto!

No mais acho q é bom se ligar so no trabalho da pessoa mesmo,o resto não vai importar, se vc curte o som!

Vc é o Tiba q escreveu várias coisas no jornal do porão?

bjo

janιne disse...

EU DETESTO O LOBÃO!
a voz dele falando me irrita =/

by TemplatesForYouTFY
SoSuechtig, Burajiru